Estás a aproveitar o teu conteúdo para divulgar noutros sites, blogs ou plataformas?!

Para um pouco, respira… e faz uma reflexão! Já trabalhas bastante para conseguir criar bom conteúdo. Publicas regularmente esse mesmo conteúdo no teu site e redes sociais, e garantes que este está devidamente otimizado, por exemplo, em termos de SEO. Ainda assim, apesar de toda a tua dedicação, as visualizações não são aquilo que esperavas!

Até aqui tudo bem… ou tudo mal! Uma vez que não estás a atingir os teus objetivos… ☹ Mas não desistas! Gerar tráfego pode ser mais difícil do que parece… e é um problema bastante comum, tanto para ti, como para nós.

A boa notícia é que existem várias estratégias, ou ações, que podem aumentar estes números…  Todavia, hoje vamos falar-te na Distribuição de Conteúdo, e como podes usar corretamente esta técnica.

Sabes o que é distribuir conteúdo?

Distribuir conteúdo é, simplesmente, utilizar o teu conteúdo, que publicaste no teu site, e divulgar esse mesmo conteúdo noutras plataformas digitais! E acredita que é uma estratégia bem comum no meio digital. Há muitas empresas que o fazem, sobretudo grupos empresariais, que distribuem o seu conteúdo em várias plataformas.

A grande vantagem desta estratégia é o facto de possibilitar distribuir o teu conteúdo (lá está “distribuição”) e conseguir (re)aproveitá-lo para aumentar o tráfego do teu site. Lembra-te: Criar conteúdo único e relevante para o seu público é o mais importante, mas se não o divulgares devidamente, ele não atrairá ninguém.  Sim… criar conteúdo, só e apenas, não chega!

Qual é o impacto da distribuição de conteúdo no teu SEO?

Deves estar a perguntar: “Então, mas duplicar conteúdo não prejudicará o SEO?” – Acertei? A resposta é sim…. e não. Ora vejamos…

Como deves saber, o Google não gosta de conteúdo duplicado! Na verdade, a existência de conteúdo duplicado, pode prejudicar diretamente o teu site, mas também afeta em termos de SEO e isto, como é obvio, é algo que queremos evitar. Certo?!

Neste aspeto estamos com sorte! Para o Google, a Distribuição de Conteúdo não é uma cópia direta do conteúdo original e, dessa forma, não é de qualquer maneira relacionada com conteúdo duplicado. No entanto, o Google diz:

“Syndicate carefully: If you syndicate your content on other sites, Google will always show the version we think is most appropriate for users in each given search, which may or may not be the version you’d prefer. However, it is helpful to ensure that each site on which your content is syndicated includes a link back to your original article. You can also ask those who use your syndicated material to use the noindex meta tag to prevent search engines from indexing their version of the content.”


Aliás, o conteúdo distribuído, geralmente, não é indexado pelo Google, por razões óbvias, mas isto não significa que não seja uma boa estratégia. Ao distribuíres o teu conteúdo, este chegará a mais pessoas… e se mais pessoas o vêm, mais ainda vão ver o teu site.

Como podes distribuir o teu conteúdo de forma correta?

Para distribuíres o teu conteúdo sugerimos-te que resumas os artigos que queres distribuir (entre 750 – 1200 caracteres) e publiques nos sites dos teus parceiros. Tão simples quanto isso. Para além disso, nunca te esqueças de garantir que o conteúdo distribuído tem:

  • O Link para o artigo original – Quando distribuíres o teu conteúdo noutros sites, blogs ou plataformas, nunca te esqueças de garantir que, o conteúdo distribuído, tem uma hiperligação que o conecte ao conteúdo original.
  • O Link Canónico – Isto vai depender do CMS que estás a utilizar, mas é importante que, no conteúdo distribuído incluas o Link Canónico do artigo (por padrão será, obviamente, o link original do artigo).

Também deves ter a atenção de não distribuir todos os teus conteúdos!! Mantém o teu site/blog com conteúdo regular e único.

Aproveita estas potencialidades da distribuição de conteúdo, (re)aproveita todo aquele conteúdo que tanto trabalho te dá a criar, e fá-lo chegar a mais pessoas. Falando em “(re)aproveitar conteúdo”, há outras formas de o fazer de forma eficaz, e que podem ser utilizadas…

Mais um artigo que, estou convicto, te ajudará a otimizar a visibilidade do teu conteúdo. Se tiveres alguma questão, deixa o teu comentário ou envia-me uma mensagem.

Até já!


Nota: Este artigo não serve como aconselhamento. O seu fim é estritamente informativo e não dispensa, em caso algum, a analisa especifica do seu caso em concreto.

Leave a Comment

Cookies & Políticas de Privacidade

Este site usa cookies para garantir que obtenha uma melhor experiência de navegação. Aceda aqui para mais informações.